Investimento Municipal por habitante

O indicador mais fidedigno duma boa gestão Camarária é o Investimento Municipal por habitante.
Comparemos pois os valores:

Seixal (CDU): 165€
Montijo (PS): 167€
Alcácer do Sal (PS): 211€
Oeiras (Ind): 278€
Lisboa (PS): 290€
Grândola (PS): 297€
Mafra (PSD): 384€

E diga-se, em abono da verdade, que das Câmaras Comunistas o Seixal até é das melhorzinhas. É o que dá ter que alimentar uma grande clientela com cada vez menos poder...
Refira-se também que nas Câmaras referidas o IMI e a derrama paga pelas populações ou é igual ou inferior ao cobrado no concelho do Seixal.
Como esta é uma discussão séria já sei que das duas uma:
- Os comentadores de serviço não aparecem ou aparecerão a falar doutra coisa qualquer.

3 comentários:

Maria de Fátima disse...

Pois é meu caro, os dados podem ser "trabalhados" a gosto.

No seu "ranking", por acaso deu-se ao "trabalho" de analisar a capacidade de realização dos trabalhadores dos municípios?

Por exemplo: a recolha de resíduos sólidos e limpeza urbana se for feito por empresa privada é considerado investimento, não é verdade? E sendo feita por trabalhadores do município também é? Claro que não! As numerosas obras realizadas pelos trabalhadores da Câmara são consideradas como investimento? Claro que não. Só o são as obras adjudicadas e executadas por empresas privadas. Os km de estradas e arruamentos construídos e reparados anualmente pelos trabalhadores municipais são considerados investimento municipal? Claro que não. Só o seriam se fossem adjudicados e executados por empresas privadas.

Isto meu caro, são opções.

E a opção no município do Seixal é fazer mais, com menos dinheiro. E isso só é possível com a participação e envolvimento dos trabalhadores municipais.

É isto meu caro. Mas nós sabemos que isso não é o seu modelo de gestão, do seu agrado, nem dos seus. O v. projecto de "gestão" é mais do género "para os vossos donos". Nós sabemos o que fariam se alguma vez obtivessem a maioria no Seixal. Nós sabemos que diversas actividades como "espaços verdes", salubridade, saneamento, águas, em particular, seriam para entregar a empresas privadas, de amigos, de "godinhos e cia." não é verdade?

Pois bem, não é esse o modelo que defendo. Esse é o seu modelo.

Quanto aos números, atente também noutros. O desemprego, o nível de vida dos cidadãos trabalhadores do país, a miseria que se alarga todos os dias, e já agora, o reforço que não seria do número de desempregados se os srs. também conseguissem deitar a mão à gestão da CMS e desatassem a privatizar tudo o que poderia ser privatizado.

Pois é. Os trabalhadores camarários que se "lixassem" porque com o problema do desemprego dos portugueses podem vossas exas. muito bem. É problema que não vos tira o sono diariamente!

Por isso e na oportunidade, a minha gratidão aos trabalhadores da Câmara Municipal. Bem hajam por aquilo que fazem todos os dias em prol do desenvolvimento do nosso concelho. Para vós, queridos amigos, que diariamente trabalhais com dignidade, o meu muito obrigado!

Conde Distrkt disse...

Para que os leitores se animem um pouco e porque é Carnaval;

Um sujeito conhece uma loira numa noitada e leva-a para o motel.

Já instalados no apartamento, ele tira a camisa,
deixa o seu bíceps à mostra e diz:

- Isto são 80 kg de dinamite!

Mostra o abdômen e diz:

- 100 kg de dinamite!

Depois tira a bermuda, mostra as coxas e diz:

- 120 kg de dinamite!

Enfim, ele tira a cueca sunga-calção e a mulher sai dá a
correr pelos corredores do motel, gritando :

- Evacuem o motel!!! ...
O meu quarto está cheio
de explosivos e o pavio é curto !!!

Samuel Cruz disse...

Cara Maria de Fátima,

Sabe por acaso quanto gasta a CMS nas contratações que refere?
São muitos milhões de Euros pagos a empresas privadas para varredura mêcanica, limpeza de lagos, limpezas de valas, segurança de instalações, etc.
Até a empresa de Pedro Passos Coelho presta serviços à CMS.
E sabe que mais todos estes "investimentos" já estão contabilizados nos números que apresento.

Google