PS não aceita Pelouros na Câmara Municipal do Seixal


O Partido Socialista do Seixal vem por este meio informar a população que, face à proposta ultrajante que lhe foi apresentada pelo Presidente da Câmara, resolveu não aceitar a atribuição e gestão de qualquer Pelouro. Na verdade, o Pelouro que foi apresentado ao Partido Socialista resultava da cisão em dois do anterior Pelouro “Do Partido Médico Veterinário e Defesa do Consumidor” anteriormente gerido por um Vereador Socialista.
O esvaziamento das atribuições, ao arrepio da representatividade eleitoral do PS, procurando o Presidente da Câmara convencer-nos na aceitação do Pelouro com menor importância entre todos os que foram atribuídos, incluindo os Pelouros atribuídos às demais oposições, que obtiveram menor representatividade eleitoral, só pode ser interpretado como uma ofensa e ao mesmo tempo um sinal claro demonstrado pelo Partido Comunista de que teme partilhar a gestão com um Partido que é capaz de fazer mais e melhor.
O bom trabalho desenvolvido pelo Vereador Samuel Cruz no anterior mandato à frente do Pelouro que aceitou gerir, sem que tal facto tenha constituído para ele qualquer freio ou mordaça na denúncia do que achava incorrecto na gestão do Município, tornou-se um sinal de perigo para a gestão comunista que era necessário travar; única razão pela qual o Senhor Presidente da Câmara, de forma pouco digna, quis afastar o PS da gestão participada do município.
Os Vereadores do Partido Socialista eleitos para este mandato reiteram à população que saberão honrar os seus deveres públicos e tudo farão para que durante os próximos quatro anos os munícipes do Seixal estejam mais informados e esclarecidos sobre as razões porque o Partido Socialista considera que a continuação da gestão do nosso município entregue ao Partido Comunista só nos vai continuar a distanciar dos melhores padrões de vida que é desejável alcançar.
Os Vereadores Socialistas na Câmara Municipal do Seixal foram eleitos para servirem a população e não querem e não esperam do Senhor Presidente da Câmara que lhes sirva lentilhas ou caviar, vão, isso sim, exigir deste uma gestão séria, rigorosa e transparente porque os impostos municipais pagos pelos munícipes do Seixal devem beneficiar a todos e não alguns.

Os Vereadores Socialistas eleitos na Câmara Municipal do Seixal.

6 comentários:

Anónimo disse...

Samuel Cruz e restantes amigos sem pelouro = Louro, JCPereira e HSerejo sem xuxa!

Anónimo disse...

Esqueceu-se de dizer que foi por livre e espontanea vontade e com a coragem que o cobarde anónimo não tem!

HSerejo

Anónimo disse...

O muro caiu em Berlim há 20 anos depois de muito tempo de existência. No seixal o Partido comunista também a seu tempo perderá a Câmara do Seixal. É tudo uma questão de tempo. A lei da rolha que o Presidente da Câmara impõe aos seus funcionários não a pode impôr aos vereadores da oposição e a população vai de certo contar com os vereadores eleitos pelo PS para continuarem a informar e a desmascarar a má gestão PCP/CDU na Câmara do Seixal. A politica comunista é como as maçãs quando não é removida das árvores em devido tempo cai de madura e apodrece.
Alfredo Monteiro com a distribuição rídicula de pelouros que fez mostrou mais uma vez que não sabe viver em democracia o que também não espanta dado o passado e o programa do partido comunista que representa.

Anónimo disse...

blá´,blá, blá...e nada.
Têm o que merecem, se é que merecem alguma coisa. Cresçam e apareçam!

Anónimo disse...

Adorei ver a vossa derrota. Já andavam a esfregar as mãozinhas e alguns que nada são mas gostam de parecer muito até já tinham lugar assegurado na camara. Temos pena...

Anónimo disse...

O PS tem muinto por onde questionar a CAMARA, como por exempelo «a area urbana de génese ilegal» AUGI do pinhal do general FF-71 não fui delimetada de modo a que seja pussivel eleger os orgãos representativos da AUGI.
Nestes moldes nunca vai ser pussivel concretizar o processo de reconversão, estudem a lei 91/95 de 2 de setembro

Google