Uma questão de desigualdade para com o normal cidadão


[Fonte: Correio da Manhã, 07.09.2009]

12 comentários:

Aleixo (comerciante da Amora) disse...

Pois, Pois! Será essa a razão, pela qual a Câmara do Seixal anda a sobrecarregar o comércio local, com as exorbitantes taxas de publicidade?
Tira aos comerciantes, para enfiar no C. do Partido Comunista.
Será que ninguém leva presos estes estupores, para não dizer ladrões.

Anónimo disse...

Militantezinho do PS
Samuel...não tem mais ideias?!

Já sabe que agora vai ter que provar esta denúncia.

Dê uma olhadela as sebentas de ciência política, e não leia tanto o correio da manhã

Samuel Cruz disse...

Caro anónimo,

Não tem problema, eu tenho a certidão do registo predial da Quinta da Atalaia, qualquer um pode pedir, se tem dúvidas peça uma.

Anónimo disse...

Tem graça a minha caderneta predial também está desactualizada, já comprei a casa há mais de vinte anos!

B. disse...

Mais um exemplo da suposta seriedade que os comunistas dizem ter...

Carlos disse...

Sejam sérios, a mentira só vos retira credibilidade e a ignorância retira-vos competência.
Reponham a verdade:

A lei do FINANCIAMENTO DOS PARTIDOS POLÍTICOS aprovada também pelo seu partido, que isenta todos os Partidos dos demais impostos sobre o seu património.

Lei n.º 19/2003, de 20 de Junho
Artigo 10.º
Benefícios 1 - Os partidos não estão sujeitos a IRC e beneficiam ainda, para além do previsto em lei especial, de isenção dos seguintes impostos:
..............................
.....
d) Contribuição autárquica sobre o valor tributável dos imóveis ou de parte de imóveis de sua propriedade e destinados à sua actividade;
e) Demais impostos sobre o património previstos no n.º 3 do artigo 104.º da Constituição;
..................................

De referir que tais benefícios já constavam das anteriores leis revogadas , que deram origem á actual, (lei 58/98 de18 de Agosto, Lei n.º 72/93 de 30 de Novembro)

Anónimo disse...

9 de Setembro de 2009 19:15

Tem graça a tua caderneta está desactualizada. Tem muita graça. Esse facto deve-se certamente à tua militância comunista.
Já agora a minha está actualizadissima e pago a módica quantia de 1.672,00€ ano de IMI.
Veja bem que o meu património (900m2) vale mais que a Quinta da Atalaia.
Já agora o PCP não está interssado numa permuta?
É troca por troca.
Comunistas, para vós há chuva na eira esol no nabal.
Perceberam?
Tenho dito

Merengue Vermelho disse...

Uma pergunta... Quanto é que o PS paga de IMI pela sua sede no largo do Rato?

Como é que é possivel um advogado não saber que as forças politicas assim como as instituições de utilidade pública estão isentas do referido imposto!

Decerto terá sido a sua mandataria da "juventude" a redigir a noticia, porque tal gralha so pode vir de quem não conhece o concelho ou nada sabe!

Merengue Vermelho disse...

Estou a ver que afinal é aqui que existe ditadura... Dr. Samuel Cruz, onde pára o meu comentário anterior? Não me diga que passou pelo lapis azul do Dr. Santos Silva...

Mário Raposo disse...

... e assim se vê, a credibilidade do PS Seixal na pessoa do sr. dr. Samuel Cruz.

Já agora sr. dr. Samuel Cruz, quanto é que o PS paga de IMI pelas suas sedes e bens imobiliários de que dispõe por esse país afora? Diga-nos lá, não seja envergonhado.

Será que a sua raiva e ódio ao PCP, ao seu património e aos seus militantes o deixam tão cego e "imbecil" que nem a sua "cultura" do "direito" e acima de tudo de "político" o deixam enxergar o que é óbvio e tem força de lei?

Está indignado? Caramba homem, indignado estou eu com tanta desfaçatez e pouca vergonha.

Flaminguito disse...

Quanto custou os terrenos da Festa do Avante?

150.000 Contos qualquer coisa como perto de 750.000 Euros.

Porque será então que só está avaliado em 37 contos qualquer coisa como 185 Euros?

Não cheira a esturro?

Será que, quando a inteligência foi distribuida pelo ser humana, a mesma foi toda para os tipos do PCP?
É que se foi estamos tramados, eles cada vez são menos (redução de 75% desde 1975) e qualquer dia voltamos à idade da pedra.

A compra da quinta pelo PCP em 1989, através de uma campanha de fundos que rapidamente reuniu os 150 mil contos investidos, pôs termo a uma «peregrinação» ditada por sucessivas recusas e dificuldades levantadas à realização da Festa: nas suas últimas edições, a Festa tem assim podido contar com a planificação e os investimentos finalmente tornados possíveis.

ttp://www.pcp.pt/actpol/temas/f-avante/milit224.html

Já agora ó merengue sabes o que quer dizer moderação?

E sabes que nem sempre o homem está junto ao computador, mais a mais agora em campanha?

Tão adepto da liberdade que és devias fazer comentários desses ao flamingo e ao seixalTalvez...

Outrosolhos disse...

A questão é que grande parte dos por aqui passam deixaram de ler na 4ª classe, depois de aprenderem a juntar a letras e se convencerem de que já eram donos das suas palavras.
Continuar a ler será a única forma de se esclarecerem, de poderem defender o vosso partido, ainda correndo o risco de ganharem a coragem suficiente para assumir a necessária responsabilidade pelos resultados dos vossos actos, facto que, provavelmente, vos impela a defender outra perspectiva da realidade.
Quanto à questão tributária, a lei de financiamento de partidos parece suficientemente clara para dissolver os argumentos do populista e demagôgo autor deste blog, o qual, seguramente, como com anterioridade, nem sequer publíque este comentário.

O tal "rouba mas faz" é realmente vergonhoso, a "Quinta da Atalaia" foi paga sem que o PCP estivesse no governo para a integrar no seu património como a sede do PS, no Rato.

Google