Seixal sem resposta para a violência

Candidato socialista à Câmara do Seixal critica autarquia

Samuel Cruz, candidato do Partido Socialista à Câmara Municipal do Seixal, critica o actual executivo camarário, pela falta de respostas a um dos mais graves problemas do município: a violência.

“É inconcebível que o concelho esteja a ferro e fogo”, afirma Samuel Cruz, reforçando que “a autarquia não conseguiu dar resposta a este problema, e é crescente o sentimento de insegurança no Seixal.”

As preocupações do vereador e candidato pelo PS Samuel Cruz ganham relevância quando são notícia, diariamente, casos de violência e assaltos, na zona do Seixal.

Uma dos principais pilares da candidatura de Samuel Cruz assenta no desenvolvimento de um contrato local de segurança, estabelecido entre a Câmara e o Ministério da Administração Interna, que pretende reforçar a vigilância e segurança da zona.

Seixal, 6 de Agosto de 2009

21 comentários:

Claudia disse...

Mantorras em declarações ao Record:

"O Mantorras acha que o Samuel Cruz devia ter mais atenção às políticas de exclusão social praticadas pelo governo do PS e que levam ao aumento da criminalidade";

"O Mantorras considera que o Samuel Cruz é um demagogo de primeira apanha já que quer instalar uma polícia municipal sem saber de onde tirar os fundos para isso";

"O Mantorras considera que falar na 3ª pessoa é uma forma porreira de poupar tempo a escrever e a falar";

"Agora, deixa o Mantorras jogar, porque o Mantorras não é coxo e o Samuel Cruz não é mentiroso".

Nuno Miguel Ramos disse...

Samuel, Peço imensa desculpa mas discordo completamente consigo. Não acredito que o problema da criminalidade seja devido à falta de policiamento. A instalação das novas infraestruturas da PSP reforçaram a força policial no nosso concelho.

Creio que o aumento da criminalidade é um fenómeno global no nosso país, inclusive na Zona Metropolitana de Lisboa onde existe polícia municipal.

Se juntarmos à exclusão social das minorias no nosso país, a crise obviamente que se dá um aumento exponencial do crime.

Para além disso temos que ser realistas e compreender que os criminosos sabem bem o quão limitadas estão as nossas forças policiais:

- A legislação protege o criminoso e condena o polícia;
- Os polícias estão mal equipados para competir com criminosos muitas das vezes equipados armas militares.

Não queira transpor para o nível micro um fenómeno de ordem macro. Seria desonesto da sua parte e não o tenho nessa consideração.

Anónimo disse...

Claudia recorri ao Magalhães e não percebi nada, faz um desenho por favr.

Anónimo disse...

Só para ver a volta que eles dão à noticia do Correio da Manhã , as razões que vão alegar , ou a forma como vão ignorar :

" Um funcionário da Câmara do Seixal atirou um camião de recolha de lixo contra a casa do presidente da autarquia depois de ficar a saber que ia ser despedido.

Segundo o CM apurou, trata-se de um trabalhador de 45 anos, casado e com dois filhos, que terá estado envolvido num incidente, também com um veiculo da autarquia, em Setembro de 2008.

O inquérito terminou agora e, anteontem, quando tomou conhecimento que Alfredo Monteiro assinara o despacho de exoneração, o funcionário "tomou uma atitude desesperada", contou fonte próxima do trabalhador.

Depois de descarregar o camião, dirigiu-se à casa do presidente da Câmara, nos Foros da Amora e, após bater em váriuos carros, atirou o veículo contra o muro da vivenda. A seguir fez marcha-atras e arrancou, mas despistou-se e capotou metros à frente.

Ninguem ficou ferido.

A Câmara nega qualquer processo contra este funcionário."

Anónimo disse...

O problema da criminanidade do Concelho são os guetos que entretanto foram criado no Seixal. O problema é a criação de bairros degradados sem alguma condição. Na Arrentela criou-se o parque de estacionamento no local que servia de caravanismo, pintaram os predios e falam num ringue desportivo. Deixem passar as eleições e vamos ver quando é que o ringue vai ser criado? Deem uma data...

Anónimo disse...

Só mais "uma acha para a fogueira", o problema da criminalidade não é novo no Seixal, de facto o que é novo é alguém que não esconda esse problema e que queira assumir que a autarquia tem um papel real na solução desse problema!

De facto, com a crise, a criminalidade tem tendencia a aumentar mas isso é exactamente o efeito do macro no micro que continua a ser negado pela autarquia, que não pretende trabalhar no encontro de soluções micro , tentando apenas apontar o macro como responsável!

Finalmente existe um candidato com coragem para evidenciar os problemas reais do Concelho e tentar procurar soluções para os mesmos, mesmo que não passem somente pela autarquia, a vontade e capacidade e empreendorismo deste autarca e da sua equipa não lhe permitem dizer apenas a culpa é dos governos, aqui faz-se mais, aqui procuram-se soluções e trabalha-se para as aplicar!

Aqui não se diz apenas que a culpa é macro, AQUI TRABALHA-SE PARA SOLUCIONAR OS PROBLEMAS DOS CIDADÃOS AINDA QUE OUTROS ENTENDAM QUE SÃO MICRO!

HSerejo

Carlos (Brocas) disse...

CDU, na falta de obra feita, publicita-se a obra dos outros.

http://berbequim.wordpress.com/

MS disse...

Caro Dr.Samuel Cruz
A dois meses das eleições para as autarquias seria do interesse geral e, nomeadamente do PS, que desse a conhecer aqui no blog o trabalho que os autarcas socialistas fizeram em cada freguesia do nosso concelho para que possamos aquilitar sobre o mesmo.
Aqui fica a sugestão, que certamente terá o seu melhor acolhimento.

Anónimo disse...

Caro Samuel, concordo plenamente consigo, ao contrário de algumas vozes(escritas)aqui expressas. Há de facto um problema de segurança no concelho do seixal, que não é igual ao resto do país, talvez semelhante a bairros da periferia de lisboa(amadora,loures,sintra) mas com caracteristicas diferentes, repare no bandido que vivia em vale de xixaros e que manteve sequestrado durante semanas uma vitima, que só com alguma sorte da policia, foi possivel resgatar.Também ficamos a saber que elementos do célebre gang do multibanco residiam no concelho. È verdade que a segurança não é preocupação desta equipe autarquica. Contudo, pior que a insegurança, é o vandalismo que nalguns casos é claramente insentivado por acções da própria autarquia.Quem olhar para o edificio alentejo na amora, não tem dúvidas em classificar aquela fachada, num mural de grafiti. Ora aquilo é um edificio quase camarário(parece que agora querem instalar uma loja do cidadão, mas já se falou no notário, na assembleia municipal, enfim, já deu para tudo)devia ser expressamente proibido vandalisar. O que faz a câmara.... organisa festivais de grafiti, oferece materiais para os "artistas", mas não lhes dá aulas de civismo em matéria de utilização do espaço público para criatividade artistica de carácter grupal.
Não se pode falar de poluição ambiental sem incluir poluição visual, ora, essa poluição é abundante neste concelho.Se for sua preocupação acabar com ela, presta um excelente serviço a todos os municipes do seixal, e espero que tenham essa sua eventual promessa, em conta, quando forem votar no dia 11 de outubro.

josé albano

Anónimo disse...

Para os apreciadores de uma boa caldeirada preparada pelo ISALTINO de Morais...

Vejam neste endereço, e depois digam se gostaram...


http://oeiraslocal.blogspot.com/2009/07/caldeirada-com-todos.html

Anónimo disse...

Este Isaltino é um verdadeiro mestre da política dos tachos pois como ele diz para uma boa caldeirada é preciso um bom tacho.
E tachos é o que muita boa gente anda por aí à procura.

Crepúsculo disse...

Corre em Fernão Ferro que o actual presidente de junta recebeu um ofício dos CTT no qual informa que estes não vão instalar nenhum posto de correios em fernão ferro! Mas não foi isto que ouvimos o Carlos Pereira anunciar nas festas ou foi? Mais uma mentira, já vamos estado habituados a esta forma trapaceira de fazer politica, ou seja mitomania.

Anónimo disse...

Prestarem contas do seu trabalho ao longo do mandato não devia ser uma sugestão mas uma obrigação dos autarcas e a forma mais pedagógica de combater a abstenção.

Domingos C. Andrade disse...

Desculpe-me sr. dr. lic. HSerejo, mas como não fiquei com a certeza de o ter mesmo encontrado, lembrei-me de o procurar aqui no blog do também seu amigo Samuel Cruz. Assim sendo fica também aqui o meu pedido.

"Olá sr. dr. lic. HSerejo, estou de férias, em casa, pois sou pobrezinho, e ao ouvir o noticiário das 13,00 horas lembrei-me de si, depois de ouvir a notícia do desemprego em Portugal.

Procurei por si. Fui ao Flamingo onde costumo, à noite, ler o que o sr. dr. lic. HSerejo escreve de dia, das 10 às 18 e não o encontrei porque o sr. Teixeira está de férias, e depois vim aqui.

Ainda bem que o encontro sr. dr. lic. HSerejo.

Sabe, ao assistir ao Telejornal, aquele sr. jornalista disse que segundo dados fresquissimos o desemprego em Portugal atingiu mais de 507 000 desempregados. Este record, é mesmo record, já não se verificava desde há 22 anos, e no meio da tristeza por ver os meus irmãos de trabalho sem emprego, entregues a si próprios em desespero, encontrei alguma alegria pensando que por este andar um dia destes estamos naquele campeonato que se chama, qualquer coisa como "guiness". Não sei se é assim que se escreve mas, o sr. dr. lic. HSerejo, percebe-me, não é verdade?

Pois bem, sr. dr. lic. HSerejo, ao ouvir a notícia, como dizia lá atrás, lembrei-me de si, porque depois de ouvir também o seu amigo do peito Socrates dizer que até não é mau, porque se esperava mais, fiquei muito confuso e, pensei em recorrer ao sr. dr. lic. HSerejo para me esclarecer, porque o sr. dr. lic. HSerejo é sabido nestas coisas da política malabarista do seu amigo.

Então diga-me lá, como se eu fosse muito, muito burro, como bem sabe, numa perspectiva micro e macro,(como o sr. dr. lic. HSerejo tão bem gosta de falar) no que é que devemos ficar felizes e cheios com uma pançada de riso, e acima de tudo eternamente gratos com o que o sr. eng. da Independente, disse.

Olhe, sr. dr. lic. HSerejo, entretanto, de "caminho", aproveite, se me puder fazer esse favor, de me esclarecer quantos mais desempregados são precisos para entrarmos na lista de campeões do tal "guiness", pois pela "embalagem" que isto leva, é capaz de não faltar muito , não é verdade?

Só espero que, com o "entusiasmo" que vai por este país com a tal perespectiva do "guiness", quando eu regressar ao trabalho, depois das férias, o meu patrão não tenha decidido dar um grande contributo para se alcançar mais depressa o tal "record". E aí é que vão ser elas.

Queira Deus que ele não esteja cá e não tenha ouvido as notícias!

Espero também que o sr. dr. lic. HSerejo, na hora do seu almoço, tenha ouvido o que eu ouvi, para me poder esclarecer.

Um xi do Domingos C. Andrade."

Anónimo disse...

Seja bem vindo D.C.A.

Curiosa essa sua procura pela minha pessoa, fico sensibilizado!

Só tenho pena que essa sua curiosidade venha apenas com as notícias acerca do Sócrates ou do PS Nacional, não vi nem a refutar aqui os factos relatados no A-Sul em relação ás promessas não cumpridas pela gestão CDU nem a regozijar-se com esse excelente trabalho não efectuado!

Por fim já que estamos em jeito de demandas gostaria de saber qual a perspectiva que o Sr. tem, enquanto militante de um partido político num Estado de Direito e numa democracia Parlamentar, acerca dos acontecimentos, não tauromáquicos mas quase, em Alcochete!?!

Quanto ao micro e macro foi em resposta a um comment do Rumo a Bombordo que fazia exactamente o que Sr. pretende fazer, disfarçar as MACROFALHAS da gestão CDU tentando levar o discurso para os problemas Macro económicos internacionais e consequentemente nacionais. Mas já agora porque não foca também o facto de estarmos, ainda assim, a lidar melhor com a crise do que a nossa vizinha Espanha?

Por fim resta-me desejar-lhe umas belíssimas férias, informá-lo ainda que de facto não vi o telejornal da tarde porque ainda não tive a possibilidade de veranear como o Sr. daí ainda me ver a andar pela blogosfera, mas acredite que quando me for possível imitá-lo não me verá por aqui, ai pode ter a certeza disso!

AH! Já agora quanto ao seu patrão, não se preocupe, como verdadeiro comunista que deve ser(porque o Sr. JAMAIS SE VERGARIA AO CAPITALISMO,não é verdade!)de certeza que partilhará consigo as dificuldades e as vitórias, pelo menos assim o espero!

Aquele Abraço e saudações socialistas e democráticas(xem malixia nem barretes)

HSerejo

Anónimo disse...

Tanto quanto me foi dado a perceber a autarquia disponibilizou um espaço próprio, um muro junto ao Pavilhão do Seixal para as pinturas dos artistas do grafiti, que, por sinal até está muito bonito, tudo o que mais se faz nos edifícios privados e públicos, comboios, etc. é autêntico vandalismo e não se pode confundir de maneira nenhuma com os trabalhos de grafiti efectuados em locais previamente autorizados.Fácil de perceber, ou não?

"Mau Tzé Tuga" disse...

Eheheh!

Este senhor Domingos C. Andrade (o C. deve ser de "Coitado") deve trabalhar no mesmo circo que o tal do flamingo, o senhor Teixeira ou lá o que o valha!
É que os dois juntinhos fazem-me rir pa caraças. Parecem o Batatinha & Companhia...

Anónimo disse...

Gostaria desde já de fazer um apelo aos visitantes deste blog no sentido contribuirem para uma colecta, a fim de subsidiar as férias do sr.Domingos C. Andrade no algarve ou noutro local do país. Face á insensibilidade dos seus camaradas em patrocinar as férias dum comunista desgraçado com o emprego rasca que tem, é da mais elementar justiça que os visitantes do blog do capitalista, samuel contribuam para as férias deste miserável comunista que em pleno mês de agosto, se encontra em casa de calções e camisola sem mangas, assando sardinhas para a familia.
Desde já o meu contributo para esta nobre causa humanitária.

armando krolas

Domingos C. Andrade disse...

Meu caro sr. dr. lic. HSerejo, para que os "mirones" possam verificar como nutro "elevada consideração" pelo sr. dr. lic. não resisti a mandar para o blog do também sr. dr. lic. Samuel Cruz, a resposta que o sr. dr. lic. HSerejo me pediu no A-sul dos "pontinhos". Pois então aqui vai:

"Boa noite sr. dr. lic. HSerejo, embora escrevendo agora certamente só me vai ler na segunda -feira no horário "nobre" das 10 às 18 horas.

Começo por notar que eu sabia que o sr. dr. lic. HSerejo, ia ficar muito sensibilizado por tê-lo evocado. Eu sabia, eu sabia.

Depois e no que se refere ao assunto que me levou a dirigir-me ao sr. dr. lic. HSerejo, constato que o sr. dr. lic. HSerejo, talvez com o entusiasmo da minha "procura" pela sua pessoa, "esqueceu-se" de me esclarecer nas minhas dúvidas. Mas não se apoquente sr. dr. lic. HSerejo, eu não levo a mal, percebe-se ... com tanto entusiasmo .... nem reparou que estava a deixar alguma coisa para trás. Mas terá mais oportunidades por certo, não é verdade?

Olhe, sr. dr. lic. HSerejo, fiquei também muito lisonjeado com o "reconhecimento" que o sr. dr. lic. HSerejo, nutre pela minha pobre pessoa quando me pergunta pela minha humilde opinião sobre os "acontecimentos, não tauromáquicos mas quase, em Alcochete!?!"

Pois bem sr. dr. lic. HSerejo, embora embevecido com o seu douto "reconhecimento", não vou esquecer de lhe responder e assim fique sabendo, que em minha opinião, mesmo ponderada opinião, acho que o sr. candidato da CDU quando se apercebeu que um sr. (deve ser doutor) do PSD estava a ofender um familiar seu, não se conseguiu conter e terá dado um tabefe no tal sr. candidato do PSD.
Acontece porém que o tabefe foi tão "mal" dado que se calhar, porque o sr. candidato do PSD era magro e por causa da magreza os ossos da mão do sr. candidato da CDU "esmagaram" a pele do sobrolho do sr. candidato do PSD, fazendo um rasgão. Mas olhe que é normal assim acontecer. Já vi isso em filmes ao serão na televisão nos combates de "box". Certamente o sr. dr. lic. HSerejo, também já viu qualquer coisa semelhante no cinema, não é verdade?

Pois bem, é o que me parece que terá acontecido. Claro que o sr. (deve ser doutor) candidato do PSD, contou outra versão, mas o que é que ele ia dizer em sua defesa? Ia dizer que foi ele que criou a situação? Claro que não e a gente percebe, não é verdade?

Mas aquilo já passou. A esta hora, os "pontinhos" já secaram e caíram e a cara do sr. candidato do PSD, já deve ter voltado ao que era antes. Já deve andar outra vez a "provocar", desculpe, a lidar na vida de todos os dias. Vai ver que até já se "esqueceu" e está a preparar-se para a próxima. Nem mais!

Por fim, sr. dr. lic. HSerejo, só me resta despedir-me e desejar que a minha modesta opinião tenha contribuído para seu esclarecimento e iluminação. Eu não me esqueci e juro que me esforcei.

Um xi muito grande do D.C.A. (gosto da assinatura)"

Anónimo disse...

Pronto... já percebi. Este também é daqueles que acha que "apoio social" é ajudar a construir vivendas com piscina e comprar BMW`S com a ajuda do Estado.

Manuel L. M. disse...

Já basta de criminalidade! Desta vez vou votar no PNR.

Google