O refeitório da Câmara é mais caro do que o restaurante onde almoço!

Considerando a discrepância existente nos preços praticados pela entidade "exploradora" do refeitório das oficinas municipais, onde os sócios dessa entidade pagam 4,25 € por refeição, enquanto os não-sócios pagam 6,35 €, e considerando ainda que este é o único refeitório que a Câmara Municipal possui ao serviço dos seus trabalhadores, entendo que a diferença de preços supracitada viola o princípio da igualdade, previsto no artigo 13.º da Constituição da República Portuguesa.
De facto, a aplicação prática deste princípio deve resultar no tratamento igual dos funcionários do município (não distinguindo associados e não associados de qualquer instituição/associação).
A tudo isto, acresce o facto do município dever fornecer, no seu refeitório, a TODOS os seus trabalhadores, uma refeição completa, por valor não superior ao do subsídio de refeição, valor que é actualmente de 4,27 €.
Tal é o que resulta das leis da República e é, antes disso, o que se impõe face às mais elementares regras de justiça social, pelas quais todos pugnamos.
Face ao exposto, requeri, junto do presidente da edilidade, a tomada de medidas urgentes para que as refeições servidas, no refeitório municipal, não excedam em qualquer caso o valor do subsídio de refeição pago aos trabalhadores do município, valor esse que considero ser o justo.

Comente aqui ou no Blog Revolta das Laranjas, os seus comentários poderão ser publicados no jornal Comércio do Seixal e Sesimbra.

4 comentários:

Anónimo disse...

Rocambol:
Pois é ! se não for eu ninguém comenta os Artigos Bloguistas desta gente.
Será que só agora se reparou na diferença de preços das refeições e na descriminação das pessoas que ali podem almoçar?- Sócios ! sócios de onde ? ceu ! Isto já é "velho" amigos ! onde teem andado que só agora repararam Então o Sr. Samuel não tinha já
conhecimento, desta e outras situações ?- Acho muito bem que se pratique os preços identicos para todos sem excepção e que o seu valor não ultrapasse o do subsidio de refeição. A não ser que este ou aquele frequentador queira repetir a dose. Sim porque há pessoas que em vez de uma comem duas, outros comem tudo, outros não comem nada. Vamos lá então fazer com que seja alterada esta e outras situações existentes na Edilidade ,porque não está correcto esta receber % sobre os não sócios.
Cumpra-se o estipulado na igualdade de Direitos para todos os frequentadores, porque senão vão todos comer no Barco !.

ROCAMBOL

Ana disse...

Este assunto já não é a primeira vez que aqui aparece e já anteriormente tinha ficado a pensar o que é isso de ser ou não sócio, será que o Samuel me pode explicar?

Anónimo disse...

Há uma Associação de Serviços Sociais dos Trabalhadores da Câmara do Seixal criada há muitos anos. No início quase todos os trabalhadores da Câmara eram sócios pagavam quotas e a Câmara também dava um subsídio. Aos trabalhadores sócios eram pagas algumas despesas com a saúde com a escola dos filhos.Foi feito o refeitório da Câmara e o infantário e passaram a ser geridos pela Associação. O que acontecia era que a cresce era e é mais cara que as privadas o refeitório tem preços mais caros para os não sócios e tem um funcionário a controlar os trabalhadores que lá comem até vêem o azeite que estes põem nas batatas. Além de tudo isto a Associação dos serviços Sociais deixou de comparticipar nas despesas de saude e usavam o dinheiro dos sócios e do subsidio da Câmara para os almoços do Partido e para outras iniciativas que não tinham a ver com os trabalhadores algumas delas pequenos grupos que viajavam para o estrangeiro. Muitos trabalhadores em protesto desistiram de sócios e agora têm de pagar a refeição mais cara.

Ana disse...

Obrigada pela explicação Sr. Anónimo das 23:54 de 4 de Junho, percebi a diferença de preços, agora fiquei sem perceber:
o porquê de tal existir?
o porquê os trabalhadores da autarquia se sujeitam a tal?
o porquê de não denunciarem a situação publicamente, chamem a TVI, isto se de facto tem provas do que diz, há que tomar as devidas providências, pois tal independentemente do partido que pratica tais irregularidades só serve para descredibilizar cada vez mais a politica e os politicos e afastar os cidadãos.
Unam-se, e tomem uma atitude.

Google