Pensem nisto:

"A península de Setúbal é vitima de um modelo de planeamento errado ao longo das últimas décadas. Esse modelo tem sido contrário à coesão territorial. Não existe uma aposta clara no combate às zonas de exclusão, porque tem havido, por parte da força maioritária nos munícipios, a convicção de que acabar com essas zonas significaria acabar com a sua própria base eleitoral. Contudo destaco os concelhos do Montijo e Grândola, que conseguiram dar um salto do desenvolvimento e captação de investimentos dos seus territórios."

António Mendes ao jornal Sem Mais

1 comentário:

João Afonso disse...

Quem é este António Mendes? Ah é o cunhado do Paulo Pedroso... Estamos conversados!!! Mais não diz do que a voz do dono!!!

Google