As notícias que o Boletim Municipal não publica

No fim do ano transacto a entidade competente pela inspecção das redes e utilização de gás, encerrou a cozinha da escola da Quinta da Cabouca, em Vale de Milhaços, por falta de condições e perigo de explosão em consequência da fuga detectada.
O motivo para o sucedido foi a degradação da canalização da rede de gás por falta de manutenção por parte da autarquia.
A fuga existente e detectada poderia ter causado um acidente grave, envolvendo não só a população escolar, crianças entre os 5 e os 10 anos, como em toda a área residencial circundante.
É legítimo perguntar:

- Quantos inspecções foram feitas nos últimos 10 anos?

- Porque não foram cumpridas as directrizes sobre redes de gás?

- Porque foi mantida canalização desadequada e que já há muito não oferecia condições?

- Qual a responsabilidade da autarquia DONA do espaço, que tanto reclama dos
outros, pelo desleixo constatado nesta e provavelmente noutras escolas?

Acresce que os melhoramentos ultimamente efectuados nesta escola, como a pintura exterior, foram executados pela Associação de Pais.

A autarquia não faz manutenção, não constrói, nem actualiza os espaços á sua responsabilidade! Será por isto que ao contrário do que apregoa não quer novas competências?

P.S: Este Post estava previamente agendado para sair hoje, pelo que sobre esta matéria não se encontrava devidamente actualizado.
Ontem saíu mais uma edição do Boletim Municipal, onde já sabemos que não são publicadas as posições da oposição, porque se destina (apenas), e segundo informação do Sr. Presidente da Câmara à Assembleia Municipal, a divulgar a actividade da Câmara Municipal...
Acontece que vem publicado nesta edição, a visita ao concelho da Eurodeputada comunista Ilda Figueiredo, nada tenho contra, mas não percebo o critério.
Agora apenas espero que no próximo mês, quando visitarei o concelho com os deputados Socialistas eleitos pelo Distrito de Setúbal, seja dado ao facto o mesmo destaque!
Mas o mais grave nesta edição do Boletim Municipal nem sequer é isto, o mais grave, na minha opinião, é a notícia sobre a realização do encontro sobre o Novo Hospital do Seixal, em que tendo intervido (dos membros da administração da Câmara), o Presidente, eu próprio, a Vereadora Corália e o Vereador José Assis apenas foram publicadas as intervenções do Presidente e da Vereadora Corália, ou seja dos eleitos comunistas! A Democracia à PCP, 35 anos depois de Abril funciona assim.
Mas ainda não acabou, imediatamente após a leitura desta pouca vergonha, enviei um mail à responsável pelos serviços questionando quais os critérios editoriais utilizados. A resposta não podia ser mais esclarecedora: Atendendo à natureza da informação pretendida o seu e-mail foi reencaminhado ao Sr. Presidente.
Amavelmente agradeci a resposta, estava tudo dito, os critérios editoriais do Boletim Municipal são estabelecidos pelo Sr. Presidente. Afinal em qualquer Ditadura é assim, eu é que fui parvo em perguntar.

15 comentários:

Manelito disse...

Nada mas mesmo nada será como anteriormente.
Caro vereador, pelo que sei, têm um partido totalmente solidário à sua volta, tem muita gente de valor e jovem no PS Seixal, tem as mais importantes pessoas com vontade, garra e competente, dessa forma mais do que nunca se aplica a velha máxima.
Quanto mais a luta aquece mais força tem o PS.

Anónimo disse...

Senhor vereador dos cães, mais uma vez demonstra a sua falta de educação!!!

Samuel Cruz disse...

Caro anónimo,

O seu desconhecimento do meu trabalho na Câmara Municipal do Seixal é total. Sabe o Sr. por exemplo que é responsabilidade da Câmara fiscalizar todos os locais onde se manipulam matérias de origem animal, como sejam talhos, peixarias, mercados, refeitórios ou restaurantes e que até eu chegar à Câmara Municipal este trabalho pura e simplesmente não era feito?
Fui eu que criei este Gabinete no seio da Câmara, tem a noção da importância que isto pode ter na sua vida?
Ou não se importa de comer gato por lebre?
Quanto ao mais pode-me dizer, em concreto, onde é que eu fui mal educado?
Ou estará o Sr. a confundir relatar factos com má educação?
Às vezes a verdade custa a ouvir, eu sei, mas olhe é o que temos. Eu também gostava que fosse diferente.

Anónimo disse...

Dr Samuel Cruz,
embora não seja da sua cor partidária estou 100% solidário com a sua maneira de fazer política e divulgar e expor as manobras eleitoralistas da CDU. O que vale é que desconfio que será por pouco tempo, porque muitas vozes se levantam contra a ditadura comunista e laxismo que vem asfixiando o Seixal há 35 anos. Nas próximas eleições vamos irradiá-los.

Anónimo disse...

Senhor vereador com as calças do meu pai também eu sou um homem, todas as medidas tomadas foram da iniciativa do médico veterinário que faz parte dos quadros da Câmara e cuja contratação aconteceu pouco tempo antes de você tomar conta do pelouro. Por isso não ande para aí a vangoriar-se com trabalho que não é seu!

Vamos mudar esta terra disse...

Aí que os vermelhos andam muito nervosos....

Samuel Cruz disse...

Ao penúltimo anónimo tenho que dizer que a CDU anda com azar nestes dias. Mais uma ao lado!
A questão que coloca é um bocadinho tonta, porque é evidente que são sempre os serviços que executam o trabalho, seja no Gabinete Médico Veterinário seja em qualquer outro serviço da Câmara. De qualquer maneira o erro aqui é que o Gabinete de Higiene e Segurança Alimentar foi integralmente criado por mim, quer contratatando um técnico superior, quer reclassificando funcionários, quer pondo a área da Defesa do Consumidor a colaborar nesta situação, quer ainda equipando este sector, que, repito, pura e simplesmente não existia até eu chegar à Câmara Municipal do Seixal.
Aliás este assunto nem parece ser uma grande preocupação da CMS, por exemplo o prémio de gastronomia municipal, o SeixalRest, é atíbuído sem cuidar de saber se as normas de Higiene e Segurança Alimentar são cumpridas, razão aliás, entre outras, que levou os serviços que tutelo a afastarem-se da atribuição deste prémio.
Mas também foi neste mandato que o trabalho em conjunto com as voluntárias do canil foi enquadrado institucionalmente e pela primeira vez apoiado, num quadro de parceria que é considerado um exemplo a nível nacional.
E ainda foi este Pelouro que realizou o I Congresso da Defesa do Consumidor em Portugal, algo que se tentatava fazer há mais de trinta anos sem sucesso, no nosso país. E saberá o Sr. que nesta área por exemplo fiz mais conferências que todos os meus antecesores juntos?
Lembre-se não é o Pelouro que faz o Vereador mas o Vereador que faz o Pelouro.

GATO GIL disse...

De acordo com o ponto de vista do anónimo das 10:14, todas as medidas são tomadas pelas iniciativas dos técnicos que fazem parte dos quadros da Câmara.

Até pode ser verdadeira esta conclusão, já que nos últimos anos por falta de técnicos ou por os mesmos andarem muito desmotivados, nada se tem visto de iniciativas nos outros pelouros, a não ser umas quantas rotundas.

Poderá o anónimo apontar mais alguma coisa?

Anónimo disse...

Porquê será que ainda há neste concelho gente tão aparvalhada e mal informada, foi graças ao vereador samuel que hoje temos o canil que temos,somos um exemplo, e só espero que faça na presidência a rigorosa gestão de meios humanos e financeiros, que conseguiu fazer no canil municipal, deixe falar, eles andam nervosos,o fim aproxima-se.

João Silva disse...

Concordo com este anónimo, é o canil que temos, por isso é que os cães andam á solta na AMORA e fazem os dejectos no frelvado onde as nossas crianças brincam.
Saião dos gabinetes e venham, para o mundo real.

Samuel Cruz disse...

Caro João Silva,

Tem toda a razão na questão que coloca, fruto desta situação a esmagadora maioria dos jardins do nosso concelho representa um grave perigo para as nossas crianças. Encomendei um estudo sobre a matéria que o comprova. Infelizmente este não é um assunto que possa resolver, a tutela dos jardins e a fiscalização dos cães (com dono) pertence ao Pelouro do Ambiente.
Apesar disso, brevemente apresentarei em reunião de Câmara uma proposta sobre o assunto.
Atentamente,

João Silva disse...

Obrigado pelo esclarecimento senhor vereador. Pressione os responsáveis sobre esta matéria.

Anónimo disse...

O facto do Medico municipal ter sido admitido antes da chegada do Vereador Samuel quer dizer o quê? que todos os trabalhadores que a camara contrata são do partido comunista? Não é novidade nenhuma mas o anónimo que o afirmou foi um pouco infeliz. Já é do conhecimento da população que para trabalhar na camara é preciso ter cartão do partido comunista, quem não tiver cartão por mais competente e inteligente que seja nunca ficará classificado em lugar nos concursos que lhe permita trabalhar na camara. Talvez esteja aí a justificação para grande incompetencia nalguns serviços as admissões são feitas pela filiação partidária e não pela competência.

Anónimo disse...

Atenção anónimo das 20:32 os comunistas só entram para a Câmara para os trabalhos para gabinetes ou trabalhos que não exigem exercicio fisico,pois para os trabalhos puxados, entram os outros, não é por nada que ouvi um pássaro dizer que a melhor equipa da C.M.S. É dos esgotos e não há lá nenhum comunista, e agora quem trabalha que é.

Anónimo disse...

Os concursos para a CMS são só fachada. Está tudo combinado e sei por exemplo um caso em que o filho do vereador do PCP de uma Câmara alentejana está a trabalhar na Câmara. Mais sabemos porquê, com quem falou e quem deu o jeito.
Esse funcionário, pela vox pop é um incompetente mas cilindrou tudo e todos já que o concurso foi costurado á sua medida.
Sr. Alfredo Monteiro, se ler este meu comentário basta pedir esclarecimentos, por exemplo ao Sr. Jorge Silva.
Talvez ele possua amnésia e não se lembre de quem estamos a falar, já que casos destes são frequentes e no Urbanismo são a REGRA.
Fico-me por aqui, estou a preparar uma colectânea e talvez um dia venha a provar e entregar as cópias ao ministério público.

Google