Comissão de Utentes?

O Concelho do Seixal vai ter uma nova Unidade de Saúde Familiar (USF), que funcionará no Centro de Saúde da Amora, reduzindo assim o número de utentes sem médico de família.
Mariana Dupont, directora dos Centros de Saúde do Seixal explicou que, a criação da nova USF, pressupõe a entrada de três novos médicos ao serviço, que ficarão encarregues de 1800 utentes cada um, tal como acontecera já no final de Dezembro com a USF da Rosinha, que veio permitir que mais 5000 pessoas passassem a ter médico de família.
Perante este cenário de franca melhoria em relação ao que vinha ocorrendo, é no mínimo caricata, para não dizer confusa, a preocupação veiculada por José Sales (porta-voz das comissões de utentes da Saúde da Península de Setúbal), que ao invés de se congratular com a chegada de novos médicos e de USF’s em funcionamento, vem a público referir-se à idade dos médicos em exercício de funções, referindo que “a maioria já tem mais de 50 anos e estão a caminho da reforma”...
Antigamente, a idade era vista como um posto e uma referência, mas parece que José Sales prefere o aprendiz de feiticeiro ao mestre. Enfim, são opções que se tomam, só mesmo para poder continuar a dizer mal.

4 comentários:

Velas do Tejo disse...

Ainda que a saúde no Seixal e um pouco por todo o país seja algo de caótico e, somente, reflexo do terceiro mundismo em que vivemos -mas que meigamente lá vamos escondendo - um médico é alguém que demora cerca de 23 anos a formar, ou seja, feitas as contas a direito um médico com 30 anos é um "junior" na sua profissão - um maçarico.

Para além de demorar muito tempo a serem formados e devidamente especiaizados, há ainda a componente "experiência" o que coloca um médico com estatuto "sénior" lá a partir dos 40.

Mas a verdade é que não há médicos! E das duas uma, ou invertemos a politica de acesso e esperamos 25 anos até os voltar a ter ou então importamo-los de alguns países em que lá têm a sua formação "a la minuta".

É, exactamente, na análise deste dados que me questiona sobre qual será o corpo médico desse hospital que tanto se reinvindica para o Seixal? Teremos um moderno hospital carregado de médicos de países de terceiro mundo que mal entende o que dizemos? Ou teremos que hablar castellano ou catalã para falarmos com o senhor doutor?

Velas do Tejo disse...

Sobre património: peço a vossa atenção para o último artigo do blogue Baía do Seixal com link para o último trabalho da Antena 1 sobre o estaleiro da quinta da Fidalga e análise do discurso do vereador Jorge Silva.

Da audição deste brilhante trabalho jornalístico de destacar as qualidade das intervenções da DrªCatarina Tavares, Drº Paulo Edson Cunha, Drº Samuel Cruz e as afirmações do vereador Jorge Silva.

EuMochoSábio disse...

Caro vereador Samuel Cruz,

Aceite este conselho:
Vá até ao Centro de Saúde do Seixal,sem a pompa e circunstância do vereador anunciado e na pele de normal cidadão-utente;
Passe pelas 3 USF's e verifique "in loco" como aquilo está funcionando. Só assim poderá estar verdadeiramente informado e não só com a habitual conversa da sua Directora bem falante ;
Não esqueça de verificar a lista de médicos ausentes, patente junto ao balcão de atendimento de cada uma - regra geral, nunca estão em falta menos de 3 médicos em cada uma.A lista de espera para consultas vai actualmente em cerca de 1 mês ;
Pergunte por lá onde são atendidos os utentes sem médico-família.
Enfim, veja como é, para que não passe notícias tão venturosas acerca do tema Unidades de Saúde Familiar e em especial dando falsas esperanças aos utentes de Amora.
Ass: EuMochoSábio

EuMochoSábio disse...

Democracia bloguista :

Deixe-se de formalismos, e permita a publicação dos comentários sem aprovação prévia.
Fica-lhe bem !
Não tenha receios infundados, já que hoje em dia toda a gente sabe quem é quem, sendo responsável quanto aos seus conteúdos.
Ass: EuMocho Sábio

Google